Livros

Na Semana que passou…

Uma nova semana começa e andava eu aqui a planear o que podia escrever esta semana para o blog, e decidi começar a rubrica “Na Semana que passou…” que fazia antes no blog antigo Just happy with Less. Nesta rubrica partilhava sempre um pouco da minha semana e links de algo que tinha lido e me inspirado. Volto agora com a rubrica para este blog, onde vou partilhar na mesma um pouco da minha semana, alguns links, livros que andei ler, uma música que me tenha acompanhado, entre outras coisas. 

A semana que passou foi das primeiras após o nascimento da Catarina que senti que comecei a ser produtiva, consegui voltar aqui ao blog, organizar as coisas cá por casa e começar a fazer uma rotina com a bebé. Tudo está a ser uma adaptação e aos poucos tudo volta ao normal possível. Talvez em breve volte ao canal. Acho que desde o momento em que adotei a palavra Descomplicar, tenho conseguido fazer mais coisas…uma palavra que me vai acompanhar em 2019 e talvez será a palavra do ano. Descomplicar as coisas que faço, para assim conseguir fazer um pouco mais…e principalmente viver com mais calma cada momento dos meus dias, quero desfrutar bem de cada coisa que faço…e mesmo nem tudo correr bem e haver dias menos bons…olhar para todos os dias com optimismo e pensar sempre que tudo vem no tempo certo! Uma frase que nunca sai da minha cabeça: a vida resolve-se sempre! 
O que li e me inspirou:
– Este post sobre o Medo da Catarina do Joan of July, onde refere um livro que tenho muita curiosidade em ler. O que me fez reparar que tenho muitas Catarinas que me inspiram!! 
– O especial desenvolvimento pessoal e organização que a Cláudia do A Mulher que Ama Livros fez, que terminou com 4 passos simples para começar um sistema de organização
– As 19 Dicas antes de 2019 que a Daniela partilhou no seu blog The Little Angie. Uma lista de dicas a visitar muitas vezes com certeza. 
Esta conta do Instagram | Este canal no Youtube | Este álbum que ouvi no repeat | Este autor que adorei conhecer com este livro | E este livro que me foi oferecido e não dava nada por ele mas gostei muito. 
Estas palavras:

são os franceses que melhor definem felicidade: bonheur. eles sabem (e nós também) que é de boas horas que se constrói A felicidade. de um tudo que não se pede, não se mede e não se repete. de bocadinhos de tempo em que ficamos acima das ‘merdinhas’ do dia-a-dia. de fracções de minutos em que nos sentimos mais fortes, mais capazes, mais de mãos dadas com a vida, que gira, rodopia e está sempre pronta a (re)começar. é nessas boas horas que paramos para respirar, para (re)acreditar que quando o mundo nos falhar, não nos falhará a gratidão pelas boas horas que guardamos no coração. damos mais valor às coisas que não conseguimos alcançar. até ao dia em que a vida nos mostra que só tem valor o que não se pode comprar.“- no ás nove no meu blog. E eu gosto tanto da palavra “bonheur” e lembro-me sempre desta música.

Boa semana!!!

créditos | imagem 

Previous Post Next Post

Também podes gostar de:

4 Comments

  • Reply Angie

    Obrigada por recordares uma publicação minha aqui no teu cantinho, significa muito para mim! Obrigada, e beijinhos <3

    Novembro 27, 2018 at 15:21
    • Reply Raquel Silva

      Não precisas de agradecer…Gostei muito do que escreveste 🙂 Beijinhos!!

      Dezembro 10, 2018 at 12:35
  • Reply Catarina Alves de Sousa

    Que rubrica tão boa que aqui tens, Raquel. Adoro que a tenhas dedicado para partilhar trabalhos de outros produtores de conteúdo e obrigada por teres incluído um post meu nela. ❤️

    Novembro 28, 2018 at 16:54
    • Reply Raquel Silva

      Obrigada Catarina pelo comentário e pela visita aqui ao meu cantinho 🙂 Beijinhos!

      Dezembro 10, 2018 at 13:41

    Deixa um comentário