Livros

Novidades que chamam por mim #2

E vamos a mais uma publicação de novidades que me despertam curiosidade. Não pretendo divulgar todas as novidades, mas sim para partilhar com vocês as que por algum motivo entram para a minha wishlist.

Novidades_sohappywithless

Carta à minha Filha de Maya Angelou

Esta novidade é uma reedição da editora Lua de Papel. E é um livro que me despertou interesse pela sua capa lindíssima e fez-me lembrar os livros de Chimamanda Ngozi Adichie. Neste livro Maya Angelou reuniu 28 textos onde fala de si, da sua infância e adolescência, e de um caminho onde todos os obstáculos foram sendo superados. Devolve-nos as suas memórias, a sua relação com o mundo, discute o papel da raça e do racismo, do medo, do amor, do papel da mulher. E este livro faz parte da lista de 24 livros do desafio #girlpowerbookchallenge.

Fundação de Isaac Asimov

Outra reedição, mas desta vez da Saída de emergência, que anda a reeditar alguns clássicos da ficção-científica. E fiquei muito contente com esta novidade porque é um livro que faz parte do projeto #101livrosffc. A série Fundação foi eleita a melhor série de ficção científica de todos os tempos. Para preservar o conhecimento e salvar a Humanidade, é criado um santuário com o nome Fundação, que reúne os melhores cientistas e eruditos do império num planeta sombrio para servirem de guia e darem esperança às futuras gerações. Mas que fica rapidamente à mercê dos corruptos senhores da guerra que se erguem do decadente império.

A História de Elsa Morante

Uma novidade que não vi muita divulgação, mas cruzei-me com ela no site da Relógio d’Água e fiquei curiosa com a sinopse. Um livro que tem como cenário a cidade de Roma durante a Segunda Guerra Mundial. Um soldado alemão viola uma judia, a Ida, e deste ato brutal, mas que a guerra torna quase banal, nasce uma criança. Vamos ter então a história desta família judia de Ida.

Novidades_sohappywithless1
Tantas Palavras de Chico Buarque

Um livro que a vida e a palavra de Chico Buarque num só volume. Temos todas as letras escritas por Chico Buarque desde Tem mais samba (1964), que ele considera o marco zero da sua carreira. Uma biografia onde não faltam humor e emoção, revelando histórias da sua fascinante trajectória de homem e de artista, até à sua maturidade como músico que se afirmou também como grande romancista.

Anoitecer no Paraíso de Lucia Berlin

Tenho imensa curiosidade com a escrita de Lucia Berlin, desde que foi editado a sua colectânea de contos, “Manual para mulheres de limpeza”. Segundo as críticas, a autora tem a capacidade de representar a beleza e a dor da rotina e da vida, numa desarmante honestidade e inquietante melancolia, as suas personagens são tão próximas da vida real. Anoitecer no paraíso é mais uma colectânea de contos.

A Mão Esquerda das Trevas de Ursula K.Le Guin

Mais um livro que está inserido no projeto #101livrosffc. Mais uma reedição de uma das maiores obras da ficção científica, A Mão Esquerda das Trevas conta a história de um viajante solitário terrestre, enviado em missão para Inverno, cujo o objetivo é permitir que Inverno seja incluído numa civilização galáctica. Mas este viajante encontra uma civilização androginia, que apenas numa dada fase assumem uma forma inteiramente feminina ou masculina, podendo ao mesmo tempo ser mães de umas crianças e pais de outras.

Destas novidades qual é que vos desperta mais curiosidade?

Boas leituras!


O blog é afiliado da Wook. Ao comprarem os livros usando os links disponibilizados, estão a contribuir para o seu crescimento literário. Obrigada!!

 

Previous Post Next Post

Também podes gostar de:

2 Comments

  • Reply Mariana Leal

    Sem dúvida que o livro de Isaac Asimov tem de vir parar a minha casa. E mais importante que isso é eu de facto pegar nele e lê-lo 😀 Sou uma leiga no género da ficção científica mas este ano vou trabalhar no sentido de melhorar isso, ou assim espero 🙂 Ursula K.Le Guin é outra autora que tambem tenho nos horizontes, pela mesma razão!

    Janeiro 28, 2019 at 23:30
    • Reply Raquel Silva

      Não posso dizer que percebo muito de ficção científica, porque não percebo. Mas gosto e por isso o projeto #101livrosffc . Na lista tem aqueles clássicos que todos deveriam de ler 😉

      Janeiro 29, 2019 at 7:25

    Deixa um comentário