Vida Simples

Palavra do Ano 2019

Vamos a meio do mês de Janeiro mas não é tarde para partilhar qual vai ser a minha palavra deste ano de 2019. Todos os anos gosto de definir uma palavra que me vai acompanhar e quem tem estado atento já sabe qual vai ser a deste ano. Escolhi DESCOMPLICAR. Uma palavra que começou a ter sentido após o nascimento da Catarina, pois o pós-parto é uma fase cheia de desafios e descobrimos ter capacidades que desconhecíamos e que somos super-mulheres. Por isto, quero que esta palavra me acompanhe ao longo do ano e me leve a simplificar algumas coisas e a levar tudo com mais calma. DESCOMPLICAR a vida como também os planos e os projetos para este ano.

Um dos planos para 2019 é ter uma presença consistente aqui no blog e muitas vezes vou ter que pensar nesta palavra como se fosse um mantra. Tenho muitos posts e ideias na gaveta à espera que chegue o dia de publicar, mas por vezes ao ser tão crítica com o meu trabalho acabo por não o fazer e ficam ali na pasta de rascunhos uma eternidade. Quero DESCOMPLICAR esta minha costela de querer tudo perfeito e levar mesmo a sério a frase: “mais vale feito do que perfeito”.

Mas claro que esta palavra vai abranger toda a minha e não só aqui o blog. Preciso que haja uma mudança na forma como giro as coisas cá de casa. Quero DESCOMPLICAR as rotinas e deixar de querer tudo perfeito. Vamos lá ver! Com uma bebé, uma adolescente, uma cadela e um gato nem sempre é possível ter a casa organizada e limpa. Para não dar em doida, tenho mesmo que pensar se hoje não consegui fazer, amanhã será outro dia. Mas tudo ficará feito. Não adianta desperdiçar energia com o stress de não conseguir cumprir todas as tarefas diárias. Lembrar que quanto mais DESCOMPLICAR as coisas banais e levar tudo com mais calma, mais tempo e vontade terei para me dedicar ao que importa.

Podemos olhar para a palavra DESCOMPLICAR e pensar nas contas financeiras. Quero descomplicar a nossa vida financeira, reduzir algumas despesas fixas, negociando com os responsáveis pelos serviços. Como um dos objetivos familiares deste ano é trocar de carro, mas sem obter um crédito, vou ter de gerir muito bem o nosso dinheiro. E, por exemplo, posso começar por DESCOMPLICAR a ementa semanal cá de casa, simplificar as refeições e reduzir nas compras do supermercado. Acabar por poupar mais ao final do mês.

DESCOMPLICAR a vida, porque a vida nem sempre é simples, ainda mais com uma bebé a fazer-me companhia todos os dias, mas quando há vontade tudo é possível. DESCOMPLICAR as minhas emoções, porque estar um ano com a bebé em casa parece perfeito, mas emocional nem sempre vai ser fácil. Lembrar que mesmo os momentos que parecem difíceis é possível DESCOMPLICAR. Deixar de perder tempo com coisas que não importa e dedicar-me mais a coisas que me fazem feliz.

Qual é a vossa palavra do ano?

Previous Post Next Post

Também podes gostar de:

Leave a comment

Deixa um comentário